Autoatendimento integrado ao sistema ERP: 6 vantagens incríveis

Autoatendimento integrado ao sistema ERP: 6 vantagens incríveis

Por mais que o totem de autoatendimento já torne seu negócio mais competitivo, ele fica ainda mais interessante quando integrado a um sistema de gestão ERP.

Eles vieram para ficar: presentes em aeroportos, supermercados e shopping centers, os totens de autoatendimento são cada vez mais usados por estabelecimentos comerciais no Brasil e no mundo. Mas, você sabia que, combinado com as ferramentas certas, ele pode ficar ainda mais poderoso? Continue lendo e saiba mais!

Como funciona o autoatendimento?

A grande vantagem do autoatendimento é a autonomia que ele proporciona aos clientes.

Eles mesmos fazem seu pedido e pagamento. Em seguida, cabe a eles aguardar por seu pedido e retirá-lo. Seus funcionários apenas se envolvem caso um cliente tenha alguma dúvida e na hora de lhe entregar o pedido.

Como já mencionamos em outro post, esta é uma experiência diferenciada, que atrai clientes por si só. Além disso, ela tem muitas vantagens a oferecer a seu negócio, principalmente em termos de custos.

Porém, ele pode ser ainda melhor: basta que seu totem seja integrado com o seu sistema de gestão ERP.

Onde entra o sistema ERP nesta história?

autoatendimento
O sistema ERP é um fator que facilita a sua vida ao administrar o negócio. Para que isto se concretize, ele deve estar integrado com seus canais de vendas, como o autoatendimento.

Emissão de relatórios, controle financeiro, gestão do atendimento a clientes… Estas são apenas algumas das funcionalidades que fazem com que empreendedores de todo o Brasil abandonem a gestão na ponta do lápis e passem ao patamar da informatização.

O investimento compensa: a visualização estratégica reduz erros e dá suporte a tomadas de decisão mais acertadas, o que se traduz em mais lucro para o seu negócio.

Entretanto, não basta adquirir o sistema e esperar um milagre acontecer. Suas vantagens só se concretizam se todas as informações a respeito da sua empresa forem lançadas no sistema, sem exceções.

Caso você opte por usar um totem que não esteja integrado ao sistema ERP, isso significa que você terá que transmitir as informações de modo manual – o que, além de gastar bastante tempo, pode acarretar em algum erro.

Vale ressaltar que a indústria de restaurantes tem uma das taxas de mortalidade mais altas do mercado. Assim, qualquer ferramenta para driblar o fantasma do prejuízo é bem-vinda! Portanto, é sempre mais interessante que ambas as ferramentas estejam integradas.

Quais são as vantagens de ter um totem de autoatendimento integrado ao sistema ERP?

Ao investir na integração entre totem de autoatendimento e sistema ERP, seu negócio só tem a ganhar. Confira algumas dessas vantagens:

1. Registrar todas as suas vendas em um só lugar

autoatendimento
Por mais que ter vários canais de vendas seja vantajoso, é importante que suas informações sejam centralizadas.

Quanto o seu negócio vende por dia, semana e mês? Quais são os carros-chefes? Quais são os produtos que não são tão procurados e, portanto, não compensam estar em seu portfólio? Estes são dados básicos, que todo empreendedor deve ter na ponta da língua e que podem ser obtidos por meio do monitoramento dos dados do sistema.

Acontece que, quando você passa a operar com um totem de autoatendimento, seu negócio passa a contar com outro canal de vendas. Assim ele deve ser tão bem controlado quanto as vendas feitas por seus empregados, no modo tradicional, direto no balcão.

Deste modo, quando seu totem não é integrado ao sistema ERP, você terá dois canais para monitorar. Além da confusão que isso pode gerar, o desperdício de tempo é considerável.

Agora, quando o seu totem de autoatendimento está integrado ao sistema de gestão, você monitora suas vendas de um só lugar – é possível, inclusive, saber quais vieram dos totens e quais foram feitas com a ajuda dos atendentes.

2. Seus funcionários lidam com uma única interface

Quando um negócio passa a operar com totens de autoatendimento, é normal que os clientes tenham dúvidas quanto a seu funcionamento. Nada mais normal: quem passou a vida toda fazendo pedidos com atendentes precisa de um empurrãozinho para se adaptar à automação.

Deste modo, é indicado que você deixe alguns funcionários de prontidão para ajudar os clientes, pelo menos no começo. Isso significa que sua equipe também terá que ser treinada a respeito do uso do totem.

Acontece que, quando ele é integrado ao sistema ERP, o treinamento fica muito mais simples e fácil, dada a semelhança entre ambas as plataformas. É mais uma maneira de poupar o seu tempo e o de seus funcionários.

3. Possibilidade de extrair dados mais exatos para decisões estratégicas

autoatendimento
Quando se trata de decisões financeiras do seu negócio, é sempre importante contar com dados completos.

A visualização integrada de dados é, definitivamente, um dos principais diferenciais de um sistema de gestão ERP. É comum que empreendedores monitorem, por exemplo, as principais formas de pagamento usadas por seus clientes, de modo a tomar decisões baseados nisso.

Se uma empresa tem mais de um canal de vendas, esta é mais uma informação que deve ser monitorada, afinal, diz muito sobre o seu negócio.

Quando o totem está integrado a esta ferramenta, ele também é registrado como um canal de vendas. Deste modo, fica mais fácil visualizar dados como número de vendas em um determinado período, ticket médio e carros-chefes. Isso significa que as chances de as suas decisões serem acertadas é muito mais alta.

4. Mais segurança para o seu negócio

Quando o totem de autoatendimento e o sistema de gestão são organismos separados, é preciso fazer a comunicação entre eles de forma manual. Isso significa extrair dados sobre vendas do totem e lançá-los um a um no sistema.

Neste percurso, a chance de perda ou roubo de dados é alta. Lembre-se: na era da informação, eles valem ouro, e, se caírem em mãos erradas, as consequências podem ser desastrosas. Do mesmo modo, é possível que haja equívocos no lançamento, principalmente se houver uma grande quantidade de dados envolvidos.

Agora, quando as soluções são integradas, a transmissão de informações é automática. Assim, não há risco de erros ou de perdas. Do mesmo modo, se o seu sistema de gestão for de qualidade, ele manterá seus dados em uma central de armazenamento em nuvem.

Isso significa que ele não fica guardado em sua máquina, mas em um servidor externo, que você pode acessar a qualquer momento. Basta ter uma conexão à internet. Esta é uma das modalidades de armazenamento mais seguras que existem, protegendo seus dados de terceiros.

5. Redução de quebras de estoque e outros problemas de registro

autoatendimento
O controle de todas as vendas em um só lugar aprimora o controle de estoque e reduz as chances de falta de produtos.

Em um sistema de gestão, uma venda acarreta em uma baixa no estoque. É simples: uma coca-cola vendida é uma coca-cola a menos na armazenagem, o que facilita bastante o seu controle.

Acontece que, quando você usa um totem que não é integrado ao sistema, o lançamento destas baixas também tem que ser feito de forma manual, ao final do expediente. Como dissemos anteriormente, isso implica em perda de tempo e em uma alta possibilidade de erros.

Já imaginou deixar um cliente na mão porque um item estava em falta e você não percebeu? Isto é perfeitamente possível – e altamente prejudicial à experiência do cliente e, consequentemente, à imagem do seu negócio.

6. Diminuição da possibilidade de erros contábeis

Como se registrar compras e vendas já não fosse complexo o suficiente, estes dados são fundamentais no cálculo da quantidade de imposto devido pela sua empresa. Alguns custos são dedutíveis, outros não. Se você se enquadra no Simples Nacional, o cálculo do imposto devido é totalmente diferente. Quebras de estoque também interferem na conta, e assim em diante.

Portanto, além de contar com um contador profissional, que possa lhe dar suporte nessas atividades, é importante manter os dados sobre o seu negócio organizados. Eles são fundamentais na hora de definir se você pagará mais ou menos imposto!

Quando totem e sistema estão integrados, a transmissão de dados entre eles é automática. Deste modo, você tem dados corretos e confiáveis para repassar ao contador, que calculará o imposto devido e encontrará oportunidades de elisão fiscal.

O totem de autoatendimento da ConnectPlug

autoatendimento
Além do sistema de gestão ERP mais completo do Brasil agora oferecemos um totem de autoatendimento pensado sob medida para os pequenos empreendedores.

Mais de mil empreendedores de todo o Brasil já confiaram no sistema de gestão da ConnectPlug. Especialmente pensado para micro e pequenos negócios, ele tem funcionalidades projetadas para as necessidades destas empresas.

Não satisfeitos com isso, desenvolvemos um totem de autoatendimento que coloca esta poderosa ferramenta ao alcance de bares e restaurantes de pequeno porte. No caso de quem já usa o nosso sistema, as soluções são integradas. Além disso, oferecemos condições especiais para quem já utiliza o sistema e para quem adquiri-lo junto com o totem.

Entre em contato com um de nossos consultores e saiba mais!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: