A gestão de franquias pode ser um grande desafio, tanto para quem gerencia uma unidade, quanto para os franqueadores, que precisam administrar várias. Nesse sentido, os sistemas de gestão comuns podem não dar conta das demandas específicas que envolvem gerenciar várias franquias, em vários locais. Por isso, um sistema de gestão para franquias pode ser muito interessante. 

 

As franquias estão entre os investimentos mais seguros e lucrativos, no longo prazo. Para o franqueador, é possível expandir a marca com rapidez, contando com os investimentos dos franqueados. Para estes, é uma oportunidade de lucrar com uma marca já conhecida, contando com bastante ajuda para abrir a loja e promovê-la. 

 

Em vista disso, não é de se surpreender que esse modelo de negócio cresça no Brasil, ano após ano. De acordo com dados da ABF (Associação Brasileira de Franchising), existem 184 mil operações de franquias, número 7,8% maior que no ano anterior. No faturamento, as franquias cresceram 14,3% em 2022, faturando cerca de 211 bilhões de reais — e a projeção para 2023 é crescer entre 9,5 e 12%

 

Nesse contexto, o setor de alimentação/food-service é um dos principais destaques. Você, com certeza, conhece muitas franquias de sucesso nesse segmento — e, se clicou para ler esse artigo, talvez trabalhe com uma. 

 

Ao final de 2022, a ABF contabilizou 39,8 mil operações de franquias de food service, com aumento de 21,5% sobre o ano anterior. É o vice-líder em número de unidades, somente atrás de saúde, beleza e bem-estar (47,3 mil unidades). 

 

Dito isso, é importante ponderar também que, embora ofereça várias facilidades, a gestão de franquias também inclui vários desafios. E isso nos faz entender porque um sistema de gestão de franquias pode ser tão útil — nós vamos passar por todos esses pontos no texto a seguir. Continue a leitura para saber tudo sobre o assunto.

 

 

Confira mais dicas de gestão para pequenas e médias empresas no blog da ConnectPlug

 

 

Como funciona a gestão de franquias?

 

Antes de falar sobre o sistema de gestão de franquias em si, é importante repassar alguns aspectos sobre esse modelo de negócio. 

 

Na gestão de franquias, a empresa franqueadora concede ao franqueado o direito de usar sua marca, produtos, serviços e sistemas de operação — cobrando por isso. Por um lado, o franqueado deve seguir o modelo de negócio, os processos e padrões da franqueadora, de modo a manter a experiência do cliente. Em troca, recebe o know-how e a experiência da franqueadora, além de treinamentos, suporte técnico e auxílio no marketing. 

 

Esse respaldo da franqueadora é importante para o sucesso da operação, possibilitando uma condução mais segura dos negócios, principalmente pensando no longo prazo.

 

Para o franqueador, esse modelo de negócios é uma oportunidade para expandir a marca rapidamente — pois os investimentos não precisam sair todos do caixa da empresa. Além disso, possibilita uma grande economia de escala em insumos, marketing e distribuição.

 

Mas ainda que os franqueados trabalhem com a marca e os padrões do franqueador, eles são empresários independentes. E, como dissemos, esse é um modelo de negócio muito bem sucedido no Brasil — o que permite que os próprios franqueados se tornem grandes empresários. Há casos de empreendedores com dezenas ou centenas de lojas da mesma marca, ou que investem em várias franquias. 

 

Por outro lado, junto com o sucesso dos negócios, vem também os desafios. Afinal, são os franqueados que precisam administrar a operação no dia a dia — com os diversos desafios que isso impõe: 

 

 

Isso já é desafiador para uma microempresa e se torna proporcionalmente mais difícil em empresas maiores, com muitas filiais. Por isso, a gestão de franquias para um franqueador — ou para quem possui várias franquias — demanda soluções especiais.

 

gestão para franquias

 

Como o sistema de gestão de franquias contribui nas empresas

 

Além dos desafios inerentes à administração de qualquer negócio, a gestão de franquias têm dificuldades específicas desse modelo de negócio. Podemos listar algumas:

 

  • Comunicação e logística eficientes entre franqueadora e franqueado;
  • Manutenção do padrão de qualidade em produtos e atendimento;
  • Concorrência e público locais, que podem ser muito diferentes nas várias regiões em que uma marca atua. 

 

Mas um desafio que merece ainda mais atenção é a gestão das vendas e das finanças. Os franqueados investem numa empresa sólida esperando que o negócio “se pague” e tenha lucros no tempo esperado — o chamado prazo de retorno.

 

Para isso, é importante que a franqueadora dê suporte, acompanhando os resultados de vendas e as finanças dos franqueados. Afinal, de pouco adianta abrir 500 lojas por ano se metade delas fecha no ano seguinte, certo? 

 

A questão é que pode ser complicado para as franqueadoras acompanhar tantos números ao mesmo tempo e tomar decisões sobre tantas operações. É necessário fazer essa gestão em escala. E é aí que entra o sistema de gestão de franquias.

 

 

Como funciona o sistema de gestão de franquias

 

Toda essa explicação sobre o modelo de negócio e seus desafios é importante para que os benefícios do sistema de gestão de franquias fiquem claros.

 

Nesse sistema, o franqueador tem um painel de controle (dashboard) com um sistema de BI (business intelligence), que processa todos os dados das operações: números de venda, clientes atendidos, produtos mais vendidos… Enfim, é um dashboard completo com dados que permitem analisar toda a empresa e suas franquias. 

 

A partir disso, o administrador consegue fazer a gestão das lojas — mas, como dissemos, é uma gestão em escala. Ele pode criar grupos de lojas por localidade (bairro e cidade), para atualizar os preços ou cardápio das lojas por esses grupos. Ou seja, sem ter que analisar as operações individualmente. 

 

Também é possível ter grupos fiscais diferentes — separando as lojas menores (Simples Nacional) das maiores (em outros regimes tributários). Isso é uma grande facilidade para as grandes redes, com muitas unidades. 

 

A ConnectPlug — que já atua com outras soluções de automação comercial há anos — têm esse sistema de gestão de franquias em várias empresas. Você pode conferir alguns cases de sucesso aqui no blog. Vale mencionar que esse sistema de gestão de franquias não está atrelado às nossas outras soluções de automação comercial, mas utilizá-las em conjunto pode contribuir ainda mais para seus resultados. 

 

Se você quer saber mais sobre essas soluções, entre em contato com o nosso comercial pelos botões abaixo ou ao lado. Mas se ainda não estiver nesse momento, não deixe de se inscrever na nossa newsletter para receber mais novidades e dicas da ConnectPlug.

 

 

 

 

Posts Recomendados

Nenhum Comentário ainda! Seja o(a) Primeiro(a) a Comentar!!!


Adicionar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *