Integração com iFood | Pedidos direto no sistema CPlug

Integração com iFood | Pedidos direto no sistema CPlug

A Integração de um sistema de gestão e frente de caixa com o iFood proporciona uma série de diferenciais competitivos . Nesta matéria você entenderá como essa solução pode ser útil para o seu estabelecimento.

A experiência de comer fora não envolve apenas degustar uma boa comida, mas sim desfrutar de todo o ambiente proporcionado pelo restaurante. Por conta disso, essa é uma opção muito procurada para uma confraternização com pessoas queridas e para comemorar datas importantes.

Apesar disso, empreendedores do setor gastronômico não podem ignorar outra tendência importante: o crescimento do mercado de Delivery.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo iFood em parceria com Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (Ibope), 56% dos consumidores pedem refeições a domicílio semanalmente. Desses, 14% costuma fazê-lo mais de duas vezes por semana. A refeição campeã dos pedidos é o jantar dos dias úteis, seguida pelo almoço dos finais de semana.

Ao se analisar esse fenômeno mais a fundo, nota-se que há diversos motivos por trás do crescimento de tais serviços. Entre eles, estão:

  • O trânsito caótico das grandes cidades brasileiras;
  • A insegurança urbana;
  • O mau tempo, que encoraja pessoas a ficarem em casa;
  • A comodidade de se degustar uma refeição de primeira qualidade no aconchego do lar, ou de onde estiver.

Por conta disso, quem pretende evoluir, não pode ignorar esta tendência, muito menos as novas tecnologias que envolvem esse mercado.

A importância dos apps de delivery

Por mais que o mercado de delivery tenha crescido exponencialmente nos últimos anos, esse serviço é mais antigo do que as pessoas imaginam.

O hábito de pedir pizza, por exemplo, é antigo: quem nunca ligou para a pizzaria favorita e degustou o prato em casa alguns minutos mais tarde?

A diferença do momento atual é que, agora, há outra maneira de se fazer o pedido: os aplicativos especializados. Eles conectam todos os envolvidos – clientes, restaurantes e entregadores -, sendo mais prático que o tradicional pedido por telefone. Entre as vantagens proporcionadas por tais plataformas, estão:

  • É possível fazer o pedido de forma mais ágil;
  • Customizações são mais simples de se requisitar;
  • É possível entrar em contato direto com o entregador;
  • É possível fazer o pedido de qualquer lugar;
  • Os dados do cartão de crédito ficam salvos;
  • O cliente tem acesso a vários estabelecimentos a partir de uma única plataforma.

Entre todas as ferramentas do tipo disponíveis no Brasil, o iFood é uma das mais populares.

Dados divulgados pela própria empresa revelam que ela é líder em toda a América Latina, e, no Brasil, alcançou a marca de 390 mil pedidos nas últimas semanas de outubro de 2018. Isso representa um aumento de 109% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Trata-se de um crescimento mais rápido do que o registrado nas regiões mais ricas do globo, como a Europa e os Estados Unidos. Além disso, ele é 16 vezes maior do que seus principais concorrentes no país. Portanto, é praticamente certo que um estabelecimento que trabalha com delivery conte com o apoio dessa plataforma.

Além disso, ele é 16 vezes maior do que seus principais concorrentes no país. Portanto, é praticamente certo que um estabelecimento que trabalha com delivery conte com o apoio dessa plataforma.

Como administrar os pedidos com delivery?

Se você chegou até aqui, já deve ter notado um ponto muito importante: bares e restaurantes que trabalham com delivery atendem melhor às necessidades do consumidor, e, consequentemente, são mais rentáveis.

Por mais que isso seja um fato incontestável, é preciso ter em mente que essa vantagem exige uma contrapartida – ou seja, adaptações na gestão para que os pedidos sejam executados sem maiores problemas.

Nesse caso, uma das melhores alternativas para o seu estabelecimento é contar com um sistema de gestão ERP, que permita a gestão dos pedidos feitos por meio das plataformas de delivery. Assim, os erros diminuem e a eficiência aumenta. Além disso, problemas como o mau acompanhamento financeiro e até mesmo a quebra de estoque se reduzem drasticamente.

Por exemplo: os clientes que operam com o sistema da ConnectPlug contam com uma série de funcionalidades que são extremamente interessantes nesse sentido, tais como:

  • Controle dos pedidos de balcão e de delivery separadamente;
  • Possibilidade de extrair relatórios que tratam especificamente sobre os pedidos de delivery;
  • Quando um pedido é registrado, os insumos necessários a seu preparo são deduzidos automaticamente do estoque;
  • É possível fazer o cadastro de clientes, de modo a conhecer mais seu perfil e saber seus pedidos favoritos.

Confira também: 10 dicas fundamentais para que seu delivery de comida seja um sucesso

Detalhes importantes como estes, tornam-se um excelente diferencial competitivo para o seu estabelecimento, seja ele de gastronomia ou não.

Integração: sistema ConnectPlug e iFood: quais as vantagens?

connectplug-modulo-ifood

Além de contar com uma série de funcionalidades extremamente úteis ao gestor de bares e restaurantes, a ConnectPlug lançou, recentemente, outro item com muito potencial para tornar qualquer negócio de gastronomia mais competitivo: a integração com o iFood.

Na prática, isso significa que os dados de ambas as plataformas conversam entre si, facilitando a gestão dos pedidos feitos via delivery, e, consequentemente, fazendo com que a sua empresa atenda seus clientes com mais eficiência.

Quer saber mais sobre esse diferencial? Então continue lendo e confira algumas das vantagens de se contar com a integração entre o sistema ConnectPlug e o iFood em seu negócio.

1º – Integre com o maior app de delivery da América Latina

Atualmente, o iFood é mais do que um líder de mercado no Brasil: ele também é o maior aplicativo de delivery da América Latina. Em 2018, a startup nacional chegou à marca dos 6,5 milhões de pedidos mensais.

O principal motivo por trás disso é o fato de que essa aplicação antecipa as necessidades do usuário. Por exemplo: durante os dias da semana à noite, é comum que a plataforma ofereça descontos e cupons a seus usuários, sabendo que cozinhar é a última coisa que eles querem depois de um dia de trabalho duro.

Do mesmo modo, nota-se que o modelo do delivery permite que os estabelecimentos aumentem a sua margem de lucro. Afinal, um estabelecimento que opera apenas nesses moldes não precisa contar com um ponto de aluguel caro em um bairro nobre: basta que as instalações sejam salubres e adequadas ao trabalho de cozinha.

Tudo isso reduz os custos, o que, por sua vez, pode ser repassado ao consumidor sob a forma de preços mais baixos, mas sem comprometer a qualidade das refeições.

2º – Não é preciso contratar entregadores próprios

Não é preciso ser especialista em gestão de empresas para saber que o gasto com pessoal é um dos principais custos envolvidos com qualquer estabelecimento. No caso dos restaurantes, por exemplo, é preciso contar com profissionais como:

  • Chefs e ajudantes de cozinha;
  • Bartenders;
  • Garçons;
  • Sommeliers;
  • Seguranças;
  • Operadores de caixa.

A boa notícia é que, por meio da integração entre a ConnectPlug e o iFood, você não precisará aumentar a equipe para oferecer os serviços de delivery. O motivo por trás disso é o fato de que a plataforma conta com entregadores independentes, que não possuem vínculo com os restaurantes.

3º – Não há a necessidade de registrar pedidos no sistema manualmente

Atualmente, a automação de restaurantes é uma forte tendência para a otimização de processos, e quanto mais tarefas puderem ser executadas com o auxílio da tecnologia, melhor.

A integração entre o sistema ConnectPlug e o iFood proporciona exatamente isso. Graças a essa funcionalidade, não é preciso transpor manualmente os pedidos do aplicativo para o sistema: a comunicação se dá de forma automática. Consequentemente, há uma economia de tempo considerável, bem como uma redução das chances de erros.

4º – Redução nos problemas de comunicação entre os envolvidos

Não é preciso ser especialista em gastronomia para saber que os erros nos pedidos custam caro a todo e qualquer estabelecimento. Afinal, o prato errado tem um custo para o estabelecimento, que, por sua vez, não pode repassado ao consumidor.

Como a integração entre o sistema ConnectPlug e o iFood faz com que a transmissão de informações seja feita de modo automático, os ruídos de comunicação entre os envolvidos caem. Isso, por sua vez, diminui as chances de erros nos pedidos, contribuindo com a saúde financeira do negócio.

5º – O pagamento entra no fluxo de caixa automaticamente

Por mais que o oferecimento de produtos de qualidade seja algo fundamental para o sucesso do seu estabelecimento, é preciso ter em mente que isso, por si só, não é o suficiente para garantir a sua sobrevivência: um controle financeiro rígido também é fundamental.

Do contrário, os proprietários do negócio podem ver-se às voltas com inúmeros gargalos financeiros, que, por sua vez, são uma sentença de morte para qualquer negócio.

Felizmente, a integração do sistema ConnectPlug com o iFood reduz as chances de que isso aconteça. O motivo por trás disso é o fato de que, como a comunicação entre as plataformas acontece de modo automático, o valor dos pedidos também é transferido dessa maneira. Consequentemente, o controle do fluxo de caixa fica muito mais simples, reduzindo as chances de que as despesas saiam do controle.

6º – Gestão do delivery com o melhor ERP do Brasil

O iFood é o maior aplicativo de delivery da América Latina. Como se isso já não fosse um grande diferencial competitivo para o seu negócio, é possível usá-lo junto com o sistema ConnectPlug, o melhor software de gestão ERP do Brasil. Além do design simples e intuitivo, ele oferece benefícios como:

  • Extração de relatórios personalizados;
  • Integração com totem de autoatendimento;
  • Valor competitivo, que cabe no orçamento de qualquer negócio.

Assim, essa combinação tem tudo para fazer com que o seu negócio se sobressaia sobre a concorrência.

7º – Conquista de um novo mercado

Quando um restaurante opera somente no modelo a la carte, ele tende a receber um público limitado. O motivo por trás disso é o fato de que, atualmente, o deslocamento é um problema em boa parte das cidades brasileiras. Isso, por sua vez, pode fazer com que o seu negócio perca clientes.

Por outro lado, se o seu bar ou restaurante oferecer o serviço de delivery de uma maneira eficiente e ordenada, seus serviços podem chegar a pessoas que não teriam acesso a ele. Na prática, isso significa que o seu negócio conquistará um novo mercado.

8º – Aumento no faturamento

Por último, mas não menos importante, é interessante salientar que todas essas vantagens trazem um benefício ainda maior: o aumento no faturamento do seu negócio.

Em outras palavras, haverá mais dinheiro em caixa, que, por sua vez, pode ser investido no próprio estabelecimento, fazendo com que ele melhore e se estabeleça no mercado.

Integração ConnectPlug e iFood: como contratar?

Interessado em usar a integração entre iFood e o sistema ConnectPlug para alavancar seu negócio? Se você já é nosso cliente, isso é simples: basta entrar em contato conosco, solicitar a ativação do módulo e seguir as instruções de nossa equipe para cadastrar os produtos.

Ainda não é cliente ConnectPlug? Então não perca tempo e aproveite para adquirir o melhor sistema de gestão ERP do Brasil – agora, com integração com o iFood. Entre em contato com nossa equipe comercial e saiba mais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: