11 dicas práticas para melhorar o atendimento no restaurante hoje mesmo

11 dicas práticas para melhorar o atendimento no restaurante hoje mesmo

O atendimento no restaurante é tão importante quanto a qualidade da comida – ou mais! Confira algumas dicas fáceis que você pode colocar em prática hoje mesmo para ter um bom atendimento.

Administrar um restaurante é difícil. É preciso ir muito além da paixão pela cozinha para que o negócio dê certo!

Afinal de contas, o proprietário deve ficar de olho em todos os processos para se certificar de que tudo está correndo bem. Apesar de todas as áreas serem importantes, o atendimento ao cliente é um dos fatores mais críticos para o sucesso ou fracasso do estabelecimento.

Pode-se dizer que ele é tão – ou até mais – importante do que a qualidade da comida. Fale por você: você voltaria ou recomendaria um restaurante com excelentes refeições, mas garçons distraídos e antipáticos? Provavelmente, não!

Felizmente, oferecer um bom atendimento ao cliente no restaurante não é tão difícil como muitos proprietários imaginam. Na verdade, existem algumas práticas fáceis, que você pode colocar em prática hoje mesmo, para ter um atendimento excelente, ver seus clientes voltarem sempre e ser recomendado por eles! Confira:

Clique para ir direto ao assunto que te interessa:

  1. Elabore um plano de negócio para seu restaurante
  2. Contrate uma equipe adequada à proposta do seu estabelecimento
  3. Treine seus garçons e garçonetes adequadamente
  4. Tenha a cordialidade como lema
  5. Tome cuidado com a organização do cardápio
  6. Sincronize os trabalhos do atendimento e da cozinha
  7. Saiba lidar com críticas
  8. Nunca descuide da limpeza
  9. Ofereça várias formas de pagamento
  10. Tenha vários canais de comunicação com a clientela
  11. Mantenha o controle de estoque do restaurante em dia

1. Elabore um plano de negócio para seu restaurante

atendimento no restaurante
O plano de negócio do restaurante é a bússola que guia a forma de atendimento.

Toda ideia de empreendimento começa – ou deveria começar – com um plano de negócio. Esse importante documento registra dados importantes como o seu capital de giro, suas metas de faturamento, seus concorrentes, etc.

Um dos fatores mais críticos que devem ser incluídos neste planejamento é a sua proposta de valor. Basicamente, essa é a resposta para a pergunta “o que você faz que a concorrência não faz?”.

Esse é o momento de definir o perfil do se estabelecimento. Ele será de alta gastronomia – o que envolve uma clientela mais exigente, e, consequentemente, garçons mais qualificados – ou se ele será mediano ou popular – nos quais a exigência por um atendimento qualificado não é tão alta?

Esse é o ponto de partida para o caminho das pedras do bom atendimento: o plano de negócio vai revelar que tipo de pessoa contratar, como treiná-las e recompensá-las por um bom desempenho, sempre de encontro aos anseios dos clientes.

2. Contrate uma equipe adequada à proposta do seu estabelecimento

atendimento no restaurante
Restaurantes mais refinados exigem garçons e garçonetes mais qualificados.

Agora que você já sabe qual será a proposta do seu restaurante, você também sabe como fazer o processo de contratação da sua equipe de atendimento.

Por exemplo: se você vai abrir um restaurante de alta gastronomia, prepare-se para investir mais em uma equipe qualificada. Eles terão que entender um pouco mais de gastronomia do que a média. Candidatos que entendam de harmonização de vinhos – algo valorizado por clientes de estabelecimentos de alta gastronomia – saem na frente.

Moral da história: valorize os profissionais com treinamento na área, que encarem o ato de servir como a arte que realmente é. As pessoas que buscam um trabalho como garçom apenas como bico, enquanto estudam ou buscam algo melhor, não são as mais indicadas.

Restaurantes populares, por outro lado, não precisam ter uma preocupação tão grande com o recrutamento da equipe. Mas, fique atento: isso não é uma desculpa para atender mal.

Independentemente do perfil do estabelecimento, o garçom ou garçonete deve ser sociável, prestativo, conhecer aquilo que o estabelecimento serve e receber o cliente sempre com um sorriso. Fique atento a essas características durante o processo seletivo!

3. Treine seus garçons e garçonetes adequadamente

atendimento no restaurante
Além de ter os melhores talentos, é preciso qualificá-los.

Não basta contratar a melhor equipe de atendimento, é preciso qualificá-la! Você, como proprietário, deve oferecer um feedback constante a todos os membros da sua equipe, ressaltando os pontos fortes do seu trabalho e indicando os pontos de melhora constantemente.

Também vale a pena disponibilizar materiais, palestras e outros meios para que todos sigam se qualificando. Isso é especialmente importante em restaurantes de alta gastronomia, que tendem a inovar constantemente.

4. Tenha a cordialidade como lema

atendimento no restaurante
Gostar de lidar com pessoas é uma qualidade básica do bom profissional de atendimento.

A cordialidade é a base do atendimento no restaurante, em lojas, enfim, em qualquer negócio.

Isso independe do perfil do estabelecimento: o garçom ou garçonete tem sempre a obrigação de ser cordial, independentemente do público.

Entretanto, isso deve ser feito com naturalidade. Ficar em cima do cliente o tempo todo, enquanto ele come ou conversa, também não é nada bom: a simpatia nunca deve parecer forçada. Do contrário, o tiro sai pela culatra: ele pode se sentir incomodado e não voltar mais – além de não te recomendar para ninguém.

5. Tome cuidado com a organização do cardápio

atendimento no restaurante
O cardápio é o seu cartão de visitas. Cuide bem dele!

O cardápio é o cartão de visitas do seu estabelecimento. Um menu desorganizado, com design desagradável, prejudica a experiência do cliente – e, consequentemente, a qualidade do atendimento.

Independente do estilo do seu estabelecimento, há algumas dicas a seguir para um excelente menu:

  • Cuide do seu aspecto. Rasgos, remendos e rabiscos dão impressão de desleixo, tudo o que você não quer! Se possível, invista no cardápio eletrônico: além de evitar esse problema, ele proporciona uma experiência diferente ao cliente.
  • Cuidado com as fontes. Se o cardápio for de papel, prefira as fontes serifadas, que facilitam a leitura. Além disso, elas devem ter um tamanho que permita uma leitura confortável.
  • Cuidado com as cores. Prefira contrastes que facilitem a leitura, como o preto no branco. Evite contrastes fracos, como cinza e azul.

Ah, não se esqueça de usar técnicas de engenharia de cardápios para valorizar seus pratos mais rentáveis e aumentar o faturamento sem ter que mexer nos preços!

6. Sincronize os trabalhos do atendimento e da cozinha

atendimento no restaurante
Quando não há comunicação entre cozinha e atendimento, as chances de erros nos pedidos aumentam.

Um dos maiores problemas do atendimento no restaurante é quando os garçons e a equipe de cozinha não se comunicam adequadamente. Isso causa problemas que infelizmente são típicos no ramo da gastronomia, como:

  • Pedidos que chegam frios;
  • Pedidos errados;
  • Pedidos não padronizados (duas pessoas da mesma mesa pedem a mesma coisa, mas recebem pratos diferentes).

Uma das melhores maneiras de solucionar isso é com um sistema para restaurante. Ele transmite os pedidos direto dos garçons à cozinha, aposentando os velhos bloquinhos e diminuindo os ruídos de comunicação.

7. Saiba lidar com críticas

Não se pode agradar a todos e errar é humano. Você deve ter isso em mente ao lidar com atendimento no restaurante!

Afinal, sempre haverá algum cliente que não vai gostar do seu estabelecimento, por um motivo ou outro. Além disso, sua equipe vai errar. E isso é normal, principalmente em dias de muito movimento e alto fluxo de pedidos.

A forma como você lida com isso é o que te diferencia. Não perca a paciência, reconheça quando se equivocar e tente sempre recompensar o cliente. Por exemplo: se ele pediu uma carne bem passada que, por algum motivo, veio sangrando, isso é motivo suficiente para que o prato não seja cobrado, ou que, pelo menos, o cliente receba um desconto.

Isso faz com que ele perceba que o seu estabelecimento se importa com ele e está disposto a compensar o erro. Pode ser que ele volte, ou, até mesmo, te recomende a conhecidos por conta disso.

-

8. Nunca descuide da limpeza

atendimento no restaurante
Um restaurante sujo faz com que o cliente deduza que a cozinha não adota padrões mínimos de higiene.

É indiscutível: quando se trata de restaurantes, a limpeza é fundamental. Do salão ao estoque, tudo deve estar impecável.

Não é difícil imaginar o motivo: o mínimo que o seu cliente espera é que a sua refeição seja preparada conforme os melhores padrões de higiene.

Portanto, cuide de tudo, em detalhes. Tudo, desde o chão aos talheres, deve estar impecável. Do contrário, não espere que seu cliente volte – nem que te recomende.

9. Ofereça várias formas de pagamento

Esse é um detalhe que muita gente deixa passar, mas é muito mais importante do que se imagina.

O atendimento no restaurante, assim como em qualquer outro estabelecimento, deve ser voltado à satisfação absoluta do cliente. Oferecer todos os métodos de pagamento é primordial para que ele se sinta bem atendido.

Além do dinheiro, é primordial receber todas as principais bandeiras de cartão de crédito. O vale refeição também é muito importante, principalmente em restaurantes localizados em áreas eminentemente comerciais.

Se, por algum motivo, você estiver temporariamente sem suporte a uma forma de pagamento, certifique-se de que o cliente seja informado antes de ir a seu estabelecimento. Isso evita contratempos, chateação, e, consequentemente, uma má experiência.

10. Tenha vários canais de comunicação com a clientela

atendimento no restaurante
Estar presente nas principais redes sociais é praticamente obrigação.

Vocês fazem reserva? Aceitam vale refeição? Têm espaço kids? Essas são apenas algumas das dúvidas que um cliente em potencial pode ter antes de te conhecer. As respostas para essas perguntas são determinantes para que ele decida se você merece ou não que ele te visite.

Isso significa que, graças às mídias digitais, o bom atendimento no restaurante começa antes mesmo da visita do cliente. A chave para melhorar o atendimento e se destacar perante a concorrência é manter canais de comunicação abertos para que o público tire dúvidas.

Deste modo, é fundamental estar presente nas principais redes sociais usadas pelo seu público – o Facebook é praticamente obrigatório!

Entretanto, nenhum ganha em praticidade quanto o WhatsApp. Estar a uma mensagem de distância é imbatível e os seus clientes vão adorar! Você também pode usá-lo para divulgar promoções e manter o contato com os clientes antigos.

11. Mantenha o controle de estoque do restaurante em dia

O que o estoque tem a ver com o atendimento no restaurante? Simples: tudo!

Novamente, pense como cliente. O que você sente quando vai a um restaurante esperando provar um prato específico, mas, na hora H, descobre que ele não está disponível? Frustrado, não é?

Obviamente, a frustração não agrada ninguém. Portanto, é essencial que você faça uma gestão de estoque adequada e faça tudo o que puder para evitar que algum prato fique indisponível por conta de um insumo em falta.

Se, ainda assim, algo der errado, oriente os garçons a informar os clientes logo no primeiro contato. Também vale a pena colocar uma nota no cardápio, de modo a atenuar a má experiência. Não se esqueça de recompensar o cliente por isso de alguma forma – que tal um desconto no prato desejado quando ele estiver disponível?

Gostou das nossas dicas para oferecer um excelente atendimento no restaurante? Então confira esse material exclusivo com mais dicas fundamentais para encurtar o caminho do seu estabelecimento até o sucesso:

2 Replies to “11 dicas práticas para melhorar o atendimento no restaurante hoje mesmo”

  1. Olá!

    A postagem de hoje foi sensacional (não que as anteriores não tenha sido). É muito comum deixar acontecer alguns desses erros, pois passa despercebido mesmo…

    Muito obrigado pela dica!

    1. Oi Kaique!
      Ficamos felizes por este conteúdo ter sido útil para você! Continue nos acompanhando para receber mais conteúdo de qualidade sobre gestão e empreendedorismo! 😉

      Um abraço,
      ConnectPlug

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: